Em feriados eu acredito

DNA Cético
DNA Cético
Em feriados eu acredito
/

Então que hoje o Jô Soares escreveu no twitter que “No Brasil, quando o feriado é religioso, até ateu comemora”. Mas que podemos fazer, afinal?

Afinal de contas, metade dos feriados nacionais é de cunho religioso. Páscoa (e sua sexta-feira), 12 de outubro, pentecostes, natal… Eu pessoalmente trocaria estes feriados por 12 de fevereiro, dia do aniversário de Darwin, 09 de novembro, aniversário de Carl Sagan, etc, mas alguém seria favorável?

Por outro lado, os feriados religiosos mais especiais são absolutamente feriados comerciais atualmente, especialmente natal, páscoa e 12 de outubro (o dia da criança!). Como ficar alheio quando o comércio em peso faz questão que você lembre que esta data existe? Propagandas em toda parte o tempo todo.

Sobre o natal até fizemos um especial no ano passado no programa Rock com Ciência, abordando motivos pelos quais até mesmo ateus podem comemorá-lo. Com sua origem pagã e posterior sincretismo com o cristianismo, não há motivos para não trocarmos presentes nesta época, tal qual se fazia na europa muito antes da suposta vinda do messias do cristianismo. Ouça abaixo o programa sobre o natal:

 

 

Claro, também quero chocolate na páscoa! Chocolate este que segundo os Astecas foi presente do deus Quetzalcoátl. Particularmente para mim não precisa estar na forma de ovo, que incrivelmente torna o chocolate muito mais caro. Pode ser as famosas barras de 180-200g (que vão diminuindo para não aumentar demais o preço e o consumidor não perceber). Com o preço de um ovo de páscoa de 400g compra-se umas 7 ou 8 barras de 180g. Aí está algo interessante. Não me importo com o simbolismo do ovo, quero o chocolate. Mas não quero só agora na páscoa também, claro…

Por fim, em feriados eu acredito. Há países com menos feriados do que nós e talvez feriados fossem melhor aproveitados se fossem diferentes. O importante é que são períodos em que temos mais tempo para nosso lazer e descanso, enquanto não diminuem a carga horária de trabalho diária. Não me importa se alguém está acendendo vela e rezando neste momento. Eu estou fazendo o que é sagrado para mim.

2 thoughts on “Em feriados eu acredito

  1. Karina says:

    E além de tudo isso, trocar presentes, chocolates ou ficar em casa pra aproveitar o feriado não é parte comemorativa do dia religioso, isso é a parte que nos interessa (não apenas aos ateus). Agora, lembrar o significado de cada dia desses e fazer atos religiosos, eu acredito que está aí o comemorar.
    Concordo com você, eu acredito no feriado (principalmente quando ele é ligado ao comércio) e dúvido que sejamos os únicos.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.